O que o seu varejo pode ter em comum com grandes redes

O que o seu varejo pode ter em comum com grandes redes?

Share:

No varejo, todos querem vender. Empresas pequenas, médias ou grandes trabalham para atender às necessidades de consumidores que estão com novos hábitos como pesquisar antes de comprar.

Esses consumidores também prezam por aspectos como atendimento, preço e até disponibilidade de diferentes formas de pagamento.

De olho no que as grandes redes fazem, você pode se inspirar em algumas ações empresas e implementá-las em seu ponto de venda. 

Se você ficou interessado, continue a leitura e saiba como o seu varejo pode utilizar as características e ações das grandes redes para vender mais.

Características de uma grande rede de varejo que todo pequeno negócio quer ter

Mais planejamento e menos improviso é o que está por trás de toda grande rede de varejo. Empresas assim definiram bem seu modelo de negócio, conhecem seu cliente como ninguém e fazem um rigoroso controle de fluxo de caixa.

Veja, a seguir, que características das grandes redes todo negócio pequeno deseja ter:

Trabalho contínuo para desburocratizar processos

Redes de varejo de sucesso trabalham continuamente para que seus processos não sejam engessados ou fiquem obsoletos. Elas experimentam novos conceitos e, a partir da análise de resultados, efetuam mudanças que aumentam a própria eficiência.

Conhece bem cada cliente

Por maiores que sejam, as redes de varejo buscam maneiras de personalizar produtos, serviços e atendimento. Elas investem em coleta, análise e interpretação de dados obtidos em cada contato para identificar padrões de comportamento do consumidor.

Melhora a experiência do consumidor

A desburocratização de processos e o conhecimento sobre os clientes fazem com que as grandes redes de varejo tenham ferramentas que melhoram a experiência do consumidor. Pois, oferecem meios descomplicados e ofertas personalizadas.

Controla todas as transações financeiras

Fazer o fluxo de caixa nem sempre é uma tarefa fácil. Mas as grandes redes de varejo utilizam tecnologias que controlam todas as transações financeiras. Logo, elas não deixam escapar, por menores que sejam os valores, entradas e saídas. Isso ocorre de maneira automática, por meio de ferramentas que acompanham os gastos e receitas.

Gerencia a receita de modo eficiente

Para que continuem grandes e competitivas, as redes de varejo gerenciam a própria receita de modo eficiente. E reinvestem parte dessa quantia no próprio crescimento — que ocorre de maneira escalável.

Elas expandem suas operações, melhoram o atendimento ao cliente, se tornam mais modernas e buscam soluções tecnológicas que as deixam atualizadas com as necessidades dos consumidores.

Investe em inovação tecnológica

O crescimento escalável tem a ver com o investimento em inovação tecnológica. Por meio de softwares, feitos sob medida para esses negócios, as redes de varejo conseguem se manter fortes e atualizadas com as necessidades de mercado.

Como oferecer a mesma experiência do cliente que uma grande rede

A experiência do cliente é um fator determinante para que ele volte, ou não, a comprar no seu negócio. Mesmo antes de comprar, ele cria expectativas em relação a aspectos como preço, disponibilidade do produto, atendimento e formas de pagamento.

Mesmo as grandes redes de varejo apresentam falhas em alguns desses aspectos. No entanto, elas têm as informações, os recursos e a capacidade de investir em uma melhoria constante na experiência de seus clientes. E como fica o seu negócio?

Você não precisa ter uma loja grande e que fatura milhões para oferecer uma experiência positiva para o seu cliente. Basta analisar seus concorrentes e empresas maiores e se inspirar nas ações dessas empresas, levando para a sua realidade e suas possibilidades.

Aproveite que sua operação é menor para desburocratizar processos. Escolha uma ferramenta de gestão que automatize tarefas, como o controle do fluxo de caixa, o gerenciamento das maquininhas da loja e o agendamento de recebíveis.

Observe também se os seus clientes estão sentindo falta de algo, como mais formas de pagamento. Limitá-los ao uso de dinheiro, por exemplo, pode diminuir suas vendas e frustrar pessoas que usam pagamentos virtuais e outros.

Os caixas do seu ponto de venda podem ter maquininhas modernas, que oferecem a venda de créditos para serviços como carro por aplicativo, streaming, TV por assinatura e outros.

E essas maquininhas ainda podem ser controladas a partir de um aplicativo. Nele, você extrai informações em tempo real como as vendas e recebimentos.

Por que otimizar e controlar gastos é uma inovação tecnológica?

A falta de controle financeiro é um dos principais motivos de muitas empresas fecharem as portas em seus primeiros anos (ou até meses) de vida. Isso ocorre por falta de planejamento e investimentos em ferramentas mais modernas.

Softwares e aplicativos são considerados “inovação tecnológica”. Pois, permitem visualizar dados em tempo real e ainda armazenam o histórico para que você tome decisões mais assertivas e concretas. 

Esse investimento em automação é fundamental para o pequeno negócio. Podemos afirmar que a quantidade de erros diminui e que a rotina fica mais otimizada. Além disso, consegue crescer de maneira escalável e sustentável.

O investimento na otimização e controle de gastos no seu varejo também pode levá-lo a reduzir custos — tanto no curto quanto no longo prazo.

Maquininhas de diferentes empresas, por exemplo, podem ser geridas a partir de um único aplicativo. Isso poupa tempo do gerente ou supervisor de vendas e possibilita análises mais rápidas e certeiras.

Como levar essa inovação para o pequeno negócio

Um pequeno negócio não tem a mesma capacidade financeira que uma grande rede de varejo. Mas a tecnologia oferece soluções para todos. Existem parceiros que têm as ferramentas certas para a otimização e o controle de gastos.

A APLIC, por exemplo, é uma fintech que oferece uma plataforma digital completa para o pequeno e médio varejista, que além de diversas soluções digitais, possui também uma maquininha que aceita as principais bandeiras de cartões de crédito, débito e voucher e cuja gestão pode ser feita, de forma simples, pelo app, independentemente de quantas máquinas ele tenha (consolidador).

Além de oferecer novos meios de pagamento para o seu cliente, assim como as grandes redes, você pode aumentar suas vendas por meio da oferta de outros serviços que fazem parte do dia a dia do consumidor. Como:

  • Recargas para Claro, Oi, Tim, Vivo, Algar Telecom, Correios, Nextel e Sercomtel.
  • TVs por assinatura pré-pagas como Claro, Oi e Sky.
  • Créditos para Play Store, Xbox, Uber e Netflix.
  • Fidelidade, Promoções e Catálogo de produtos.

Esse aplicativo é tão prático que permite o acompanhamento on-line do extrato e o acompanhamento de todas as maquininhas em um só lugar. Ele facilita, assim, a gestão do seu negócio.

O consumidor mudou e tem novas necessidades. Supri-las é um passo importante para fazer seu varejo crescer, mas é preciso ir além. Invista em uma solução inovadora que seja sua aliada no crescimento. O importante é garantir melhores processos, experiências e condições ao seu cliente.

Conheça as soluções APLIC e tenha um negócio digital!